Cachorro quente vegano: 10 receitas para preparar esse queridinho!

Se tem uma comidinha que brasileiro não abre mão é o bom e velho cachorro quente, certo?!

Mas para os adeptos do veganismo isso não é mais um problema! Existem soluções para tudo quando o assunto é comida e aqui o que não faltam são opções do famoso “not dog”.

Publicidade

Essa também é uma ótima oportunidade para os não veganos, pois tem versões maravilhosas para servir para as crianças e fugir do clássico que existem nas ruas.

Confira 10 formas de preparar esse fast-food vegano:

1. Cachorro quente vegano com salsicha de cenoura

Essa é mais que uma dica vegana, mas sim uma opção maravilhosa para fazerem as crianças comerem vegetais sem reclamações! A substituição da salsicha tradicional pelas cenouras é também uma alternativa barata, saudável e gostosa. Claro, que pra tudo isso ficar bom, é preciso caprichar no molho de tomate pelado. Nesse caso, você pode temperar com seus ingredientes preferidos como alho, cebola, ervas e pimentas à gosto. A sugestão é acompanhar com um purê de batata, mostarda, catchup, milho e batata palha. Depois, é só de deliciar à vontade!

2. Cachorro quente com salsicha vegana

Essa é uma outra receita de pirar o estômago de alegria! Se você é daqueles que curte colocar a mão na massa, prepare-se para fazer uma salsicha vegana caseira. A lista de ingredientes é um pouco extensa e tem como base a farinha de milho flocada, beterraba, batata e lentilhas cozidas. Os temperos ficam por conta de cebola e alho refogados, shoyu, pimenta do reino, páprica defumada, cominho e cebolinha. Depois é só grelhar e mandar a ver nessa delícia!

3. Cachorro quente vegano com salsicha de cenoura e beterraba

Tá aí uma outra opção que substitui a salsicha tradicional de um modo muito saboroso. Nessa versão, você vai precisar de técnicas manuais para moldar a sua massa “vegana” e depois ferver. O preparo da proteína vegetal leva um refogado de vegetais, tendo a cenoura e a beterraba como protagonistas, e especiarias secretas como sal de ervas, molho de soja, páprica doce, cúrcuma, mostarda em grãos, cominho e pimenta do reino. A consistência fica por conta do feijão branco cozido ou grão de bico e um pouco de farinha de trigo. Com elas prontas, é só preparar os toppings e devorar tudo isso!

4. Cachorro quente vegano com salsicha de soja

Nessa sugestão, você vai utilizar a salsicha de soja. Depois é só preparar um bom molho de tomate e uma maionese verde vegana para dar aquele sabor especial ao Not Dog. O melhor é que para fazer esse molho queridinho dos fast-food basta ter em mãos sete ingredientes e bater no liquidificador. Coloque no pão todos os itens que desejar e corre pra mordida!

5. Cachorro quente vegano com salsicha de lentilha

Para quem está em busca de ingredientes acessíveis e não abre mão até do catchup caseiro, esta receita é bem completa. O maior trabalho está em preparar a salsicha que leva lentilhas cozidas, cebola, cenoura desidratada, sal e tempero sírio. Processe, molde, coloque no papel filme e congele. Você pode optar por assar, grelhar ou cozinhar direto no molho de tomate. Os acompanhamentos são de dar água na boca, pois tem vinagrete, crispy de couve manteiga e batata palha.

6. Cachorro quente vegano com salsicha de tofu

Esta dica vai exigir um pouco mais de trabalho, pois você irá fazer todas as etapas de uma salsicha caseira. São vários ingredientes para garantir o sabor e a textura certa, como tofu, aveia, farinha de rosca, amido de milho, suco de limão, páprica, pimenta calabresa, orégano, cominho, colorau, alho, shoyu e sal. É só processar tudo em um mixer para obter a massa. Depois, é só cozinhar as salsichas em água quente, firmar no freezer e assar.

7. Cachorro quente vegano com salsicha caseira

Nesta receita, você também vai preparar a sua própria salsicha só que de uma forma descomplicada. É uma receita que não leva muitos ingredientes apenas vegetais, cebola e alho. É muito importante utilizar a farinha de trigo e de aveia para dar liga a essa “massa” e que deixará mais fácil para moldar. O processo é o mesmo das anteriores: plástico filme, mergulhar na água fervente e cozinhar. Você vai se surpreender com o resultado!

8. Cachorro quente vegano de forno

Esse é aquele cachorro quente tamanho família, ou seja, bem grandão feito na travessa. A montagem consiste em camadas e pode levar outros ingredientes além das sugeridas na receita. Portanto, tem molho de tomate, pão, cenoura cozida, ervilhas, milho, passas, purê de batata e por fim fatias de queijo. Leva ao forno apenas para gratinar e finalize com aquele banho de batata palha que todo mundo adora!

9. Cachorro quente vegano com salsicha ao shoyu

Para quem adora uma comida bem temperada, daquelas de lamber os dedos, não deixe de conferir essa receita. A dica é deixar as cenouras marinando por pelo menos 24 horas em uma mistura com shoyu, mostarda Dijon, vinagre e cominho. Depois é só jogar todo esse sabor, inclusive o líquido, em seu molho de tomate caseiro e se jogar nesse dogão mega saboroso!

10. Cachorro quente vegano simples

Esse é o famoso cachorro quente preguiçoso! Sim, não dá trabalho nenhum, é barato, rápido e rende bastante. O maior desafio está em descascar as cenouras para deixá-las no tamanho exato do pão. O molho também conta com fatias de pimentão para levantar o sabor. Você pode incrementar o sanduíche com seus complementos preferidos ou ficar apenas nesse pão com “salsicha” que já é mil maravilhas!

Agora não tem mais desculpas para ficar de fora daquele programa da noite de cachorro quente, não é mesmo? Aproveite todas essas dicas e prepare o melhor not dog de sua vida!