Receitas com pinhão: 8 comidinhas para os dias frios

O pinhão é uma semente comestível muito conhecido no sul do país. Mas também podemos encontrar em lugares mais frios do sudeste, como cidades serranas.

Por sua colheita ter mais afinidade com regiões s frias, seu pico ocorre entre os meses de abril à julho, ou seja, no inverno brasileiro. Bem propício para uma comidinha quentinha ou festas caipiras.

Publicidade

Seu sabor é incrível e é um ingrediente versátil que pode ser utilizado em muitos pratos da cozinha brasileira tanto doce como salgados. Além de ser muito nutritiva com várias vitaminas como fósforo, cálcio, ferro e proteínas e vitaminas do complexo B.

O mais incrível é que possui uma data certa para começar e terminar a colheita. Vamos então nos planejar enquanto é tempo? O pinhão já vai aparecer nas prateleiras e tudo o que precisamos é de uma receita deliciosa de inverno.

1. Farofa de pinhão

Existem acompanhamentos que caem muito bem em qualquer prato, certo? Dentre eles, podemos citar a farofa. Todo mundo ama e cada um tem a sua receita especial. Mas a farofa de pinhão é uma opção diferente para aproveitar as delicias que o inverno oferece.

Antes de tudo, é necessário que o pinhão esteja cozido. Você pode realizar essa tarefa na panela de pressão, que é mais rápido, ou em uma panela comum. Neste último caso, o tempo de cozimento é de pelo menos duras horas.

Com eles prontos e descascados é só partir partir para o preparo da farofa. Esse tipo de prato pede uma gordura bem saborosa como o bacon. E o seu próprio óleo ajuda a umedecer a farinha logo em seguida.

O alho e a cebola é a dupla indispensável em qualquer cozinha. Por isso, não deixe de acrescentar os ingredientes básicos de uma digna farofa, como também um punhado de salsinha, ovos e uma pitadinha de sal e pimenta.

Adicione o pinhão junto com todos esses temperos e manda a ver na farinha de milho. Esse tipo deixa o prato com cor e gosto bem brasileiro!
É tão amplo a possibilidade de combinações, que você pode seguir a sua preferência ou seguir a nossa dica. Restinhos de carnes ou apenas legumes são uma ótima pedida também.

Farofa já é bom, agora de pinhão é uma mistura rica de ingredientes que conta com textura e sabor incríveis!

2. Brigadeiro gourmet de pinhão

Esse docinho tem cara marcada no mês junino! Afinal, o pinhão está no auge nessa época do ano e o brigadeiro não pode faltar nessa festa temática. Junta os dois, só poderia resultar em um belisco dos deuses.

Preparar essa iguaria brasileira é quase um aprendizado que junto com a escola, ou seja, todos conhecem de cor e salteado. Mas o segredinho a gente conta agora.

Junto com a mistura do leite condensado e a manteiga adicione um pouco de canela em pó e umas gotas de essência de baunilha. Eles fazem toda a diferença para levantar o sabor e saem do tradicional que comemos o restante do ano.

Claro, que se você não curte essas especiarias pode fazer do jeito comum. Fica gostoso igual!

O pinhão tem que estar cozido e bem triturado. No paladar ele lembra até a textura do cajuzinho, só que com pedacinhos dessa semente. Fica incrível, aqueles restinhos que sobram na boca, sabe?

Se ainda quiser equilibrar o doce no paladar adicione creme de leite. Ele também ajuda a dar uma consistência mais cremosa para apresentar em copinhos.
Deixe a celebração muito mais divertida com esse docinho que faz a alegria de qualquer brasileiro!

3. Bolo de pinhão

Tem cenário mais convidativo que friozinho lá fora e um bolo quentinho dentro de casa? Acredito que não! Esse bolo é perfeito para fazer no inverno e sair da mesmice.

Esse é um bolo branco tradicional feito com farinha, ovos, fermento, manteiga e leite. Mas com pinhão moído dentro da massa, ou seja, uma crocância incrível!

Para o preparo dar certo e o bolo não desandar acrescente a nossa estrela da vez somente no final. Depois do fermento e quando estiver pronto para assar. Só não esqueça de incorporar bem essa farofinha para que fique os pedaços distribuídos uniformemente.

Para finalizar você pode jogar uma calda de chocolate ou até o nosso brigadeiro de pinhão. Ambos ficam extremamente gostosos.

É aquela receita que você faz uma vez por ano, mas que vale a espera. E ainda deixa o gostinho de quero mais para a próxima temporada do pinhão.

4. Paçoca de pinhão

A culinária brasileira é tão extensa que junto dela vem a diversidade de pratos regionais. Um deles é a paçoca de pinhão, onde muitos acham que é o tradicional doce junino. Pelo contrário, aqui é um prato salgado feito com sobras de carnes de churrasco. Bem típico do sul, mesmo.

Porém, nessa versão utilizamos a carne bovina e suína moída. O pinhão é a base principal do prato, por isso ele deve estar cozido e moído até se transformar em pequenos grãos.

O truque é deixar os ingredientes dourar bem antes de adicionar o pinhão. Assim, você garante aquele líquido do refogado para umedece-los.

Podemos dizer que esse prato lembra o preparo de uma farofa. Mas como tem a suculência das carnes a textura é completamente diferente.

É uma ótima pedida para a chegada do frio e incrementar o seu inverno. Não deixe de fazer!

5. Entrevero de pinhão

Você pode estar achando o nome estranho, mas calma! Esse é um prato típico do sul do país, feito a base de pinhão e carnes. E apesar de ter esse mix meio doido, é um sabor bem equilibrado. Tanto é que sua lista de ingredientes é extensa, mas são fáceis de encontrar no supermercado.

O prato tem ares bem rústico mesmo. É um refogado com linguiça, bacon, carne suína, cebola, alho, pimentões vermelho e verde e muito pinhão, com salsinha e manjericão no final.

A tradição pede para utilizar sobras de carne assada ou de panela e que usando pinhão já cozido o prato fica pronto rapidíssimo.

O prato é muito bem temperado e extremamente saboroso. Perfeito para quem ama churrasco, carnes e afins.

6. Risoto de pinhão

Outro prato que aclama por atenção no inverno é o risoto. Essa receita é ideal para quando não sabemos o que fazer com aquele restinho de pinhão cozido que sobrou do dia anterior.

Cada um tem uma preferência por sabor, combinações e ingredientes para o risoto. E uma receitinha na manga todo mundo tem!

Publicidade

Mas a base é sempre a mesma: caldo de legumes, arroz arbóreo, manteiga, cebola, vinho branco e bastante queijo. Portanto, a ideia aqui é utilizar o seu preparo favorito e incrementar com o pinhão. Você também pode fazer apenas com ele brilhando no arroz. Fica lindo destaca-lo no prato!

Aproveite a safra do pinhão no meio do ano e prepare esse mimo saboroso no Dia dos Namorados!

7. Sopa de pinhão

Com o tempo frio nada melhor do que sopas e caldos, não é? A infinidade de sabores que podemos preparar é sensacional. É só usar a criatividade e pronto, mais uma delícia. Por isso a nossa sugestão é essa sopa creme de pinhão.

Bata no liquidificador o pinhão cozido, caldo de legumes e o creme de leite até virar um creme bem denso, vira a espécie de um purê. Por isso, prepare um bom caldo de legumes com tudo o que tem direito. Pois é ele que vai dar todo o sabor para o sei prato.

Você pode controlar a textura com mais líquido (água) ou o creme de leite. Se você gosta de queijo, também pode substituir por cream cheese e requeijão que dá super certo. O importante é deixar a sopa bem cremosa para acompanhar com torradinhas.

É uma ótima alternativa para inovar o cardápio e aquecer aquela noite fria nessa época!

8. Carne com pinhão

Carne de panela é uma delícia! Tem um sabor bem brasileiro, um molho denso espetacular e uma carne muito macia. Enfim, é impossível resistir!
Agora, a versão com pinhão fica deliciosa. É bem vindo no almoço de domingo e agrada toda a família. Basta preparar um arroz branco, uma farofa simples ou uma polenta cremosa e a mesa está posta.

O preparo é igual ao da carne de panela tradicional. Só que ao invés de batatas vai o pinhão. Assim, você pode aproveitar o embalo da pressão e cozinhar junto. Se estiverem cozidos adicione somente no final.

Paleta, patinho, acém, coxão mole e músculo são as carnes apropriadas para fazer essa receita, mas você pode usar a carne de sua preferência cortada em cubos.

Carne e pinhão fazem uma dupla perfeita. Com um molho de vinho então, é uma tentação para o inverno. Daqueles de raspar até o fundo da panela!
No auge do pinhão, além de cozinhar, descascar e comer simplesmente com um pouco de sal, prepare comidas gostosas com sabor caseiro.

Publicidade

Uma dica é comprar um pouco a mais e deixar congelado por alguns meses. Assim você garante todas essas delicias para qualquer época do ano.